Que eu saiba ainda somos humanos…conscientes!!!

Cada vez me sinto mais excluído desta sociedade, não sei se por segregação por parte da sociedade, ou mesmo por auto-exclusão, por falta de identificação com tudo aquilo que me envolve, um mundo em evolução sabe-se lá para onde e uma civilização que esqueceu tudo aquilo que nos define como seres humanos.

Resultado de imagem para ser humano

Onde param os valores, os sentimentos, a família, e sobretudo o espírito de entreajuda, a sociedade gregária em que evoluímos, aquela sociedade em que todos crescemos juntos, em que adquirimos valores culturais e espirituais, aquela sociedade em crescendo na qual tendíamos a encontrar a nossa espiritualidade, aquela sociedade desligada do mundo materialista, uma sociedade cada vez mais voltada para os valores espirituais, mais voltada para o nosso universo interior, para a nossa consciência, para o construir de um homem novo, buscando o que de melhor temos ao nosso alcance, mas que infelizmente tantos insistem em nem sequer aceitar que possa existir, um mundo interior, um mundo de consciência, um mundo espiritual, um mundo do bem, um mundo que nos ajude a enfrentar e a moldar este mundo materialista que ruma à sua auto-destruição. Vivemos hoje uma sociedade que não passa de uma farsa, demasiado materialista, em que o Homem acabou por ser esquecido, uma sociedade na qual não passamos de números, não passamos de unidades produtivas, não passamos de obreiras, como sede uma colmeia se tratasse, seria este o verdadeiro objectivo para o qual fomos criados, terá sido para isto que serviram milhares e milhares de anos de evolução, onde para aquela característica que nos é intrínseca, a inteligência, sabem explicar-me?

Resultado de imagem para ser humano

Será assim tão difícil com os meios que temos ao nosso dispor hoje fazer uma sociedade equilibrada, uma sociedade mais justa e igualitária, uma sociedade sem aberrações tais como a fome e a miséria, e que no outro extremo tem como topo uma elite de super ricos, será o bem estar físico e material assim tão dependente de uma acumulação irracional de riqueza, quando o necessário seria um estandarte mínimo de bem estar, ou condições que o pudessem proporcionar, estou mesmo a falar de escravatura, será que nos tornámos escravos dos valores materiais, tendo no topo mesmo como religião o culto do dinheiro e do poder.

Penso estarmos no limite de uma era, a era do materialismo, espero uma mudança de mentalidades muito em breve, ou então creio estarmos irremediavelmente a caminho da auto-destruição, um caminho sem retorno, pois destruímos um planeta, civilizações e continuamos a destruir a nossa própria identidade cultural e a nossa espiritualidade, realmente estamos a ficar muito longe daquilo que nos deveria definir como humanos, é hora de humanizar esta sociedade desumanizada e rendida à tecnologia, é hora de fazer um homem novo, desperto, pensante, consciente, vivo física e mentalmente.

Resultado de imagem para ser humano

Religiões, dinheiro, poder, de que nos servem se não cumprem com os seus propósitos, se não cumprem a sua função, porque será que o poder nos leva sempre para o domínio, a escravatura e sempre ou quase sempre leva a morte e miséria de tantos, porquê, pergunto eu, seremos nós uns seres assim tão vis e materialistas que não somos capazes de promover bem estar a todos os que nos rodeiam?

Perder um pouco de tempo a pensar e apelar à nossa consciência talvez nos leve a ganhar algo que há muito tempo perdemos, a nossa espiritualidade, a nossa faceta, o nosso lado humano, o lado dos valores do bem, vamos fazer um esforço, todos formamos um, todos juntos somos o coração da humanidade.

 

Alexandre Sarmento

Artigos recentes

Comentários recentes

Arquivo

Categorias

Meta

Alexandre Sarmento Written by:

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *